Todos os posts em: Portugal

Lisboa: o workshop de Pastel de Nata da Pastelaria Batalha

Uma das experiências mais legais que vivemos em Lisboa foi participar do workshop de Pastel de Nata. Aprendemos a fazer todas as etapas do doce, que é um símbolo do país, na super conceituada Pastelaria Batalha. Vem ver como foi! 🙂 A Pastelaria Batalha Fundada em 1936 (inicialmente como padaria), a Pastelaria Batalha é um empreendimento familiar (Batalha é o sobrenome da família). No último ano, a pastelaria conquistou o 3º lugar no concurso que escolheu o melhor Pastel de Nata da cidade. Entrando na pastelaria, um encantador cenário recepciona os clientes. Diversos tipos de doces (e alguns salgados) à disposição para deixar todo mundo na dúvida do que escolher! Mas viemos aqui por outro motivo… Workshop de Pastel de Nata Antes de entrarmos para a cozinha, sentamos em mesinhas de uma salinha privada no piso inferior da pastelaria, onde a aula começa com uma introdução à história do Pastel de Nata. É João Batalha, filho do fundador da pastelaria, quem recebe os alunos e dá o curso. O chef pasteleiro, que iniciou na panificação quando tinha apenas …

Zé Manel dos Ossos: o restaurante que me fez mudar de rota

Saindo de Sintra, decidimos alterar o trajeto rumo ao Porto incluindo uma cidade no roteiro por causa de um único restaurante. E não era nem um restaurante chique, estrelado ou com um chefe reconhecido internacionalmente. Era um restaurante do tipo RAIZ, um restaurante em uma ruazinha escondida, um restaurante com poucas mesas e proposta despretensiosa. O Zé Manel foi o responsável pela nossa parada em Coimbra. ❤️ A sorte A chegada em Coimbra foi tensa. O restaurante fechava às 22h e às 21h estávamos fazendo check-in no hotel! MEDO! Imagina ir até lá só por isso e não conseguir comer no Zé? Largamos nossas coisas rapidinho no Hotel Astória e seguimos correndo até chegar em uma… fila! 21h30… 30 minutos pra fechar… uma fila grande. Será que hoje não é o nosso dia de sorte? Mas era! ❤️ De repente, vimos uma carinha conhecida: a primeira da fila era a Bruna Scirea, amiga de Porto Alegre. Ganhou uma mesa grande só pra ela e nos chamou pra sentar junto. 😍 Caramba, nessas horas eu acho …

Quinze doces que você precisa comer em Portugal

Acabei de voltar de uma super viagem, onde conheci algumas cidades de Portugal e fiquei completamente apaixonada pelo país. O acolhimento dos portugueses, a arquitetura e, principalmente, a gastronomia local me encantaram! Eu comi muito bem em Portugal, gente. E, além de bacalhau, caldo verde e francesinha do Porto, fiz algo que já está virando uma tradição nas minhas viagens: um tour de  confeitarias! (Se você se interessa pelo assunto, clique aqui para ver o roteiro de Paris, e aqui para o guia açucarado de Orlando.) Os doces conventuais A confeitaria portuguesa tem uma larga tradição de doces conventuais, originados em conventos e mosteiros do país. Esses doces têm como ingredientes principais a gema de ovo, o açúcar e a amêndoa, em suas mais variadas combinações. É muito interessante passear pelas confeitarias e ver como três ingredientes se transformam em doces tão distintos. E sabe por que a gema é tão utilizada nessas iguarias? Antigamente as claras de ovos eram utilizadas para engomar as roupas dos homens mais ricos e os hábitos dos padres. Então, …