Todos os posts em: Destinos no exterior

“Salir de tapas” nos mercados gastronômicos de Madrid

Hoje vou contar uma história de amor… Conheci o Vinícius, meu marido, em outubro de 2014. Mais ou menos um mês depois, apareceu uma daquelas promoções INSANAS de passagens aéreas: cerca de R$ 600 (com taxas!) pra Madrid. Já passei por algumas experiências de encontrar essas promoções por aí e a única regra é: compre no SEGUNDO que você ver. É loucura comprar uma passagem pra Europa dali a sete meses com um quase desconhecido? É. Mas como eu disse antes, bug de passagem aérea é assim mesmo: não dá pra pensar, apenas comprar. A aposta deu certo: permanecemos juntos, e embarcamos para nossa primeira grande viagem em maio de 2015. Chegamos na Europa felizes e ansiosos pelos próximos dias, que ainda englobariam Barcelona, Paris, Veneza, Florença e Roma. Mas, first things first: 5 dias em Madrid. Quando viajo a alguma cidade nova, eu sempre gosto de ter experiências gastronômicas fortes e que me falem sobre o lugar já no primeiro dia. Então, logo depois de deixar as malas no hotel, corremos para o Mercado de San …

Califórnia: um roteiro pelos parques naturais da Sierra Nevada

Saí de ferias no início do mês passado e, mesmo tendo alguns posts semi-prontos, pensando que iria super manter o blog funcionado, acabei deixando ele meio de lado. Mas quem pode me julgar? Férias, né gente? (Acho que sou melhor viajante do que blogueirinha de viagem… kkk) Enquanto ainda me adapto à rotina sem daiquiris e tacacás (em breve, posts no blog sobre Punta Cana e Belém do Pará), o Vinícius França* fez um super post para reativar o blog! O Vini viajou pra Califórnia no início do ano, e escreveu um texto para compartilhar muitas dicas com os leitores do SPDV sobre Los Angeles, o Parque Nacional das Sequóias e o Yosemite Valley. Bora se apaixonar pela Califórnia? 😀 … “Você vai se apaixonar pela Califórnia”. Taí um clichê de recomendações de viagem. A Costa Oeste dos Estados Unidos é um dos destinos mais buscados pelos brasileiros. Difícil achar entre meus conhecidos alguém que torcesse o nariz para Los Angeles, para as praias, pras atrações da Disney, para a vista incrível da Highway-1. Só …

Doce Paris: uma seleção de confeitarias imperdíveis na cidade

Você está pronto para um banho de açúcar? 🙂 A pâtisserie, ou confeitaria, é um dos destaques da gastronomia francesa. Para mim, comer um mille-feuille do Jacques Genin ou os macarons do Pierre Hermé são experiências mais marcantes do que tentar tirar uma foto da Monalisa no Museu do Louvre. Como contei nesse outro post, viajamos pra lá no final de 2017 com o objetivo de comer MUITO!  Então, fiz o tema de casa, e montei um roteirinho para visitar algumas das principais confeitarias de Paris. Veja aqui as que mais gostamos: Angelina A Angelina é uma famosa casa de chás parisiense, com várias filiais em Paris, Versailles e até outros países. Fomos na loja que fica no Musée de Luxemburg, dentro do Jardin du Luxembourg. Provar o “carro-chefe” da casa, o chocolate quente, era o nosso objetivo principal por lá. Ele é servido em um bule, acompanhado de chantilly. Ele casou bem com o friozinho que estava fazendo. A casa também tem alguns doces clássicos, como o Mont Blanc e o Saint Honoré, mas decidimos experimentar esse …

Apenas um roteiro completo de Nova York!

Depois de duas viagens à essa que se tornou uma das minhas cidades favoritas do mundo, preparei esse material para servir como ponto de partida do seu roteiro de viagem à NY. Ele estará sempre em movimento, prometo incluir outros lugares sempre que descobrir algo novo. Tá separadinho por bairros, então você pode se programar para fazer um bairro ou dois por dia, e aproveitar o melhor que essa cidade incrível tem a oferecer! ENJOY! 🙂 UPPER WEST SIDE Lincoln Center: Conjunto de edifícios construídos na década de 1960. Dedicado às artes musicais e cênicas, conta com cinco salas de espetáculos, biblioteca temática, um teatro a céu aberto e duas esplanadas. O local é sede da Metropolitan Opera, do American Ballet, da New York Opera, do New York City Ballet e da New York Philarmonic, entre outras instituições. É preciso se programar e adquirir ingressos com antecedência para cada temporada. (Endereço: W64th St) Columbus Circle: Rotatória na esquina do Central Park. No centro, uma estátua em homenagem ao “descobridor das Américas”, Cristóvão Colombo. Dakota Building: Com arquitetura Art …

Comendo (muito) bem e (relativamente) barato em Paris

No final de 2017, fiquei uma semana em Paris com um objetivo claro: devorar a capital mundial da gastronomia! (Veja também como foi o nosso tour de confeitarias por lá. 😉 ) Como Paris é uma cidade cara, o Euro está cada vez mais alto, e eu (ainda) não sou paga para viajar, busquei conhecer os restaurantes especiais e gostosos, mas acessíveis ao bolso. Estas foram as minhas melhores descobertas: Les Cocottes O Les Cocottes é um dos restaurantes do aclamado chef parisiense Christian Constant, e tem um ótimo custo-benefício. Christian foi jurado de um dos maiores programas de culinária da TV francesa e já foi chef do aclamado hotel Ritz de Paris. O Les Cocottes está localizado a poucas quadras da Torre Eiffel, então é um excelente local para almoçar no dia que você se programar para conhecer essa região da cidade. Entrada: Ravioles de langoustines, mousseline d’artichauts, coulis de crustacés. O restaurante está no guia Michelin Bib Gourmand 2018. Principal: Pommes de terre caramélisées farcies au pied de porc. Sobremesa: Clafoutis aux fruits …

Vá para a Jamaica!

A viagem que eu mais amei fazer até hoje foi para a Jamaica, no início de 2017. Esse país junta tudo que eu mais gosto quando procuro um destino de férias: ótimas praias, cultura marcante e gastronomia incrível. E, além de todas essas coisas, a atmosfera “Rástafari” do país é muito apaixonante. A Jamaica me surpreendeu tão positivamente, que hoje em dia eu sou quase uma embaixadora do país entre os amigos. É o lugar que eu mais indico para quem me pede conselhos de viagem! Quando eu era mais “xóven”, tive uma fase hippie-reggae e o Bob Marley era meu super ídolo. Estar na terra do homem, depois de tantos anos, foi um agrado à Aline adolescente, que nem sonhava que um dia andaria pelas estradas jamaicanas ao som de Jamming e curtiria Port Antonio ouvindo Natural Mystic. Depois de compradas as passagens, percebi a dificuldade de organizar essa viagem. A Jamaica ainda é um lugar pouco visitado pelos brasileiros e é um dos menos procurados do Caribe pelos turistas, então são poucas as informações …

Cuba: os deliciosos paladares de La Habana

A comida de La Habana me surpreendeu super positivamente, comemos muitíssimo bem por lá. A gastronomia cubana tem influência das cozinhas espanhola e africana, e é bastante temperada. As principais receitas contam com frutos do mar, arroz, feijão preto, banana e mandioca. Para conhecer a autêntica gastronomia da ilha, os melhores lugares são os paladares da cidade, restaurantes privados que nasceram no princípio dos anos 90. Os paladares têm esse nome por conta da novela brasileira Vale Tudo, que era muito popular em Cuba na época da criação desse tipo de estabelecimento. Na história, a protagonista tinha uma cadeia de restaurantes chamada Paladar. Abaixo, listo os paladares que mais gostamos em La Habana! 🙂 Los Nardos/ El Trofeo Primeiro dia na cidade, chegamos famintos e fomos direto para o Los Nardos. Mas, apesar de ser em torno de 15h, o restaurante tinha muita fila. Então, o garçom nos ofereceu uma mesa no El Trofeo, restaurante que fica no segundo andar do Los Nardos e compartilha a cozinha e o cardápio, porém com o preço melhor. …

Ilhas Seychelles: La Digue é um espetáculo!

Nossa terceira parada nas Seychelles: a charmosa La Digue! (Você já leu o post com as informações básicas da ilha e Mahé, e o post de Praslin?) Muitas pessoas fazem um passeio apenas de “bate-volta” à ilha. Mas, para mim, é o lugar que merece a maior quantidade de dias, se você for dividir sua permanência nas Seychelles entre as três ilhas principais. La Digue é encantadora! Como chegar La Digue não tem aeroporto, então o único jeito de chegar lá é por meio dos catamarãs. Leia mais sobre onde comprar as passagens no primeiro post. 😉 … Chegamos na ilha e sofremos um pouco para conseguir um táxi para o hotel – parecia que os poucos que haviam por lá já estavam comprometidos com alguém. Por isso, a dica é: ao reservar seu hotel, já acerte o transfer do porto até lá. Nos hospedamos em um hotel muito bom, chamado Patratan. Acho muito simpático quando o hotel prepara uma recepção aos hóspedes. O encantamento com La Digue começou no check in: Contratamos o hotel com …

Ilhas Seychelles: vale a pena ir ao Vallée de Mai, em Praslin?

O Vallée de Mai está localizado em Praslin, a segunda maior ilha das Seychelles. A reserva está na lista dos Patrimônios da Humanidade da UNESCO, e lá você vai poder conhecer um pouco da fauna e da flora do país. Um dos maiores símbolos do país, o Coco de Mer é considerado a maior semente do mundo e este é o único lugar do mundo onde você pode ver ele em seu estado selvagem, ainda nas palmeiras. Logo na entrada do parque, vários cocos ficam à disposição para você tirar fotos. O Coco de Mer demora quase 30 anos para ficar desse tamanho. O passeio pelo Vallée de Mai pode ser feito em três percursos distintos, cada um com uma duração diferente. As trilhas são fáceis e o clima no local é agradável, devido a umidade e sombra feita pelas palmeiras. Eles “vendem” o local como se fosse um jardim botânico, mas na real é como uma floresta de coqueiros. Você basicamente vai ver só isso por lá, mas é um visual muito bonito. Lá você também pode ver um animal …

Ilhas Seychelles: as melhores praias de Praslin

Antes de tudo: você já leu as informações básicas sobre as Ilhas Seychelles? 🙂 Então agora veja toda a beleza de Praslin, a segunda maior ilha do arquipélago. Praslin tem pouco mais de 8 mil habitantes, e 37 km². De carro, é possível conhecer toda a ilha em menos de 2h. São muitas praias de beleza cinematográfica, boas hospedagens, animais exóticos (como a tartaruga gigante e o papagaio negro), o lendário Valleé de Mai e seus raros coqueiros, e gastronomia deliciosa. … Como chegar Você pode ir para Praslin tanto de catamarã (diariamente saem barcos de Mahé e de La Digue para o destino), quanto de avião – existem voos diários saindo de Mahé, o trajeto dura cerca de 15 minutos. Nós fomos de catamarã. Coloquei mais informações sobre como adquirir as passagens, ainda no Brasil, no primeiro post sobre as Seychelles. … Nos hospedamos na única pousada na frente da Anse Lazio, a Le Chevalier. Quarto bom, atendimento excelente. Lá também tem um restaurante com alguns currys (ensopados com especiarias) bem gostosos. A pousada e a …