Todos os posts em: Vale dos Vinhedos

Geisse Experience: um tour de 4×4 pelos vinhedos

Hoje vou contar pra vocês sobre uma das experiências mais legais pra se viver na Serra Gaúcha: o tour Geisse Experience, um misto de aventura, paisagens incríveis e deliciosas surpresas. O tour acontece na Cave Geisse, vinícola localizada em Pinto Bandeira, a 17 km de Bento Gonçalves, no Rio Grande do Sul. Pelo seu tamanho, ela é considerada uma “vinícola boutique”, e é uma das minhas favoritas na região. Se você gosta de espumantes, precisa conhecer a Geisse! Estive lá em um domingo de sol e aproveitei tudo de legal que esse lugar oferece. Depois de fazer a visita e degustação na vinícola (como contei nesse post), embarcamos para o Geisse Experience. Vem ver como foi! 🙂 Geisse Experience O  Geisse Experience é uma experiência única, que leva os visitantes a conhecer os vinhedos da vinícola e seus arredores em um veículo 4×4. Quem nos guiou nessa aventura foi o simpático Dario, que trabalha na Geisse há dois anos. O passeio já começa deixando todo mundo surpreso. Achávamos que seria um trajeto tranquilo entre os vinhedos, …

Cave Geisse: visita, degustação e Open Lounge

Estive na Geisse pela primeira vez em uma viagem pra comemorar meu aniversário. Não é porque era um final de semana especial, mas essa vinícola se tornou uma das minhas favoritas da região. Por isso, fiquei muito feliz ao ser convidada a voltar lá para passar mais um dia incrível nesse lugar encantador. (Clica aqui pra ler tudo que rolou no Geisse Experience!) A Cave Geisse está localizada na região de Pinto Bandeira, a 17 km de Bento Gonçalves, no Rio Grande do Sul. A vinícola foi criada em 1979, pelo engenheiro agrônomo e enólogo Mário Geisse, um chileno que viu na região um bom potencial para a elaboração de espumantes: boa altitude, solo com excelente drenagem, boa amplitude térmica e posição solar ideal. Geisse foi pioneiro por aqui ao optar pelas espaldeiras altas (videiras em posição vertical) e, por isso, foi chamado de “chileno louco” pelos produtores vizinhos. Com o sucesso de sua produção, Geisse provou que não era louco e influenciou outros diversas vinícolas a adotarem o mesmo tipo de técnica. Tour pela …

O tradicional jantar de sábado da Vinícola Don Giovanni

Todos os sábados, a vinícola Don Giovanni transforma o parte de seu casarão em um restaurante intimista e charmoso, e serve um jantar já tradicional na região. Quando nos hospedamos lá, aproveitamos a oportunidade e fomos conferir. O restaurante fica localizado na parte de baixo do casarão, e tem uma decoração rústica, com muitos objetos antigos e fotos da família. Lembrando que a Don Giovanni ainda pertence à família fundadora, e já está em sua quarta geração de produtores de vinho. O jantar começa com uma salada de folhas, temperadas com aceto balsâmico e azeite de oliva. Logo depois, a fabulosa criação da Dona Bita, mãe dos proprietários da vinícola: o melhor risoto de alcachofra da vida. Sério, ponto do arroz perfeito, sabor incrível. Eu babo até hoje só de pensar nesse prato. Ah, as alcachofras são plantadas na propriedade. Em seguida: frango assado na cerveja com uva-passa e cebolas, acompanhado de batatinhas. Sabe aquelas batatinhas que você não consegue parar de comer? O garçom entende o drama e passa oferecendo mais pra todo mundo! A …

Hospede-se entre os vinhedos na Pousada Don Giovanni

Já pensou em se hospedar em uma vinícola? Pesquisando lugares para ficar na região dos Vinhedos, descobri que a vinícola Don Giovanni também tem sua própria pousada! Vem ver como ela é charmosa! 🙂 Don Giovanni Localizada em uma região alta de Pinto Bandeira, pertinho dos Caminhos de Pedra, a vinícola Don Giovanni é um empreendimento familiar – já está em sua quarta geração. Focados principalmente na produção de espumante (mas também de vinho), a Don Giovanni cultiva as uvas Chardonnay, Pinnot Noir, Merlot e Cabernet Franc em 17 hectares de vinhedos. Olha que bacana: a vinícola prima pela viticultura sustentável e agroecologicamente correta, então não utiliza fertilizantes químicos e produz seu próprio adubo na propriedade. A pousada São oito quartos na pousada, sendo sete deles localizado em um belo casarão de 1930, decorados com móveis antigos com características da colonização italiana. Os visitantes também podem se hospedar em uma cabana que fica mais perto dos vinhedos. Logo na entrada da casa, uma acolhedora sala de estar, com sofás, televisão e um piano. No local, está …

Dez vinícolas imperdíveis na Serra Gaúcha

De grandes vinícolas, com reconhecimento internacional, até vinícolas menores, onde o atendimento é feito pela própria família: a Serra Gaúcha proporciona uma viagem incrível pelo mundo dos vinhos. Separei aqui dez vinícolas que conheci nos últimos tempos e que são imperdíveis pra quem quer fazer um tour inesquecível pelo Vale dos Vinhedos e cidades vizinhas, como Garibaldi e Pinto Bandeira. 1 – Casa Valduga A Casa Valduga é uma das mais tradicionais vinícolas do país. Em 1992, a Família Valduga iniciou a construção de seu Complexo Enoturístico, que incluiu a criação de restaurantes e de pousadas, consolidando-se, assim, como pioneira na introdução do enoturismo no Vale dos Vinhedos. Atualmente, o complexo recebe cerca de 150 mil visitas por ano. A empresa coleciona mais de 300 prêmios em concursos nacionais e internacionais, e exporta seus produtos para mais de 20 países. A Valduga está, inclusive, no livro “1000 lugares para conhecer antes de morrer”, editado pelo New York Times. Recomento o tour Wine Experience, que possibilita a degustação de vinhos e espumantes em diferentes etapas do processo de elaboração. (Para ler …

Vinícola Peterlongo aposta no enoturismo

Em dezembro do último ano, a vinícola Peterlongo, em Garibaldi, inaugurou seu mais novo complexo enoturístico: o Tour Armando Peterlongo. Eu estive lá no dia da abertura, adorei conhecer a história da empresa e me diverti muito no Wine Movie. Tour Armando Peterlongo A entrada da vínícola já é encantadora: são os parreirais que recepcionam os visitantes. O tour inicia no Museu Peterlongo, que reúne objetos e memórias que contam a história da empresa e da família fundadora. A vinícola não pertence mais à família de origem, mas busca reposicionar a sua marca com respeito e admiração a tudo que foi desenvolvido no passado, enaltecendo aqueles que iniciaram a empresa. A Peterlongo foi pioneira no Brasil na produção de espumantes, e é a única empresa que pode usar a nomenclatura “champagne” em seus produtos. Ela é responsável pela produção do primeiro espumante do Brasil, em 1913, dois anos antes de sua fundação. No museu, o público tem acesso aos equipamentos utilizados pela vinícola em seus primórdios, assim como os primeiros produtos produzidos pela marca. Em …

As massas artesanais do restaurante Maria Valduga

Depois de conhecermos mais sobre a viticultura e degustarmos vinhos ainda em processo de elaboração no tour Wine Experience, seguimos para a segunda parte da experiência no Complexo Enoturístico da Casa Valduga: o almoço no restaurante Maria Valduga. O salão é imponente e elegante, todo coberto por “históricas pedras de basalto”. Mas não é sobre a história das pedras que eu quero falar hoje… Toda a história de uma massa artesanal O restaurante homenageia a matriarca da família, Maria Valduga. Segundo o site da casa, “o local era inicialmente a pequena cantina do Luiz Valduga, onde os irmãos Valduga deram seus primeiros passos alquimistas. Tanto trabalho, exigia uma farta mesa, que a Dona Maria fazia questão de apresentar com delícias típicas italianas”. Bem, eu também tinha uma nona que fazia uma bela massa artesanal, a vó Edith. Minha vó não tinha ascendência italiana, mas era uma excelente cozinheira. Algumas das lembranças mais afetuosas que tenho com ela foram em torno da mesa, quando ela compartilhava comigo os seus ensinamentos culinários. A minha receita favorita dela: …

O sensacional tour Wine Experience da Casa Valduga

É época de Vindima no Vale dos Vinhedos, período que a região celebra a colheita da uva, entre os meses de janeiro a março. A convite da vinícola Casa Valduga, fui até lá pra ver de perto as uvas roxinhas nos parreirais, junto com outros blogueiros de viagem de Porto Alegre. Fizemos o sensacional tour Wine Experience, que possibilita a degustação de vinhos e espumantes em diferentes etapas do processo de elaboração. Vem ver como foi! 🙂 ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀ A Casa Valduga A Casa Valduga é uma das mais tradicionais vinícolas do país. Em 1992, a Família Valduga iniciou a construção de seu Complexo Enoturístico, que incluiu a criação de restaurantes e de pousadas, consolidando-se, assim, como pioneira na introdução do enoturismo no Vale dos Vinhedos. Atualmente, o complexo recebe cerca de 150 mil visitas por ano. A vinícola continua sendo familiar, e está sendo administrada pela 3ª geração em relação ao patriarca fundador, Luiz Valduga. A empresa coleciona mais de 300 prêmios em concursos nacionais e internacionais, e exporta seus produtos para mais de 20 países. A Valduga está, …

Maria Fumaça e Epopeia Italiana: um olhar para o passado

Recentemente, fiz o delicioso passeio de Maria Fumaça, na Serra Gaúcha. Já tinha feito quando era criança, mas fazia tempo que queria voltar. Dessa vez, com o passeio de locomotiva somado à Epopeia Italiana, entendi melhor a cultura da região e compreendi o quanto a imigração italiana influenciou o que é hoje o Vale dos Vinhedos. … Quando fui embarcar no trem, olhei para o lado e vi esse senhor. Esse olhar me disse tanta coisa… Esse olhar me disse que seus antepassados vieram da Itália, em um período de crise econômica. Me disse que, naquela época, o Brasil era uma terra repleta de oportunidades. E me disse que, quando se instalaram por aqui, escolheram o plantio de uva para a produção de vinho como atividade econômica. Os italianos que vieram viver no Brasil trouxeram na bagagem muitas características culturais que foram incorporadas à Serra Gaúcha. A partir da cultura agrícola, a região ficou conhecida pela produção de vinho. E assim, dessa expertise trazida pelos imigrantes, emerge o enoturismo do Vale dos Vinhedos. A Maria Fumaça Uma …

Vale dos Vinhedos: pequenas vinícolas apostam no atendimento diferenciado

Visitar vinícolas menores, que recebem de forma mais personalizada e acolhedora, é uma das experiências mais interessantes para se viver no Vale dos Vinhedos. A convite da Bento Convention Bureau*, eu, a Bárbara Pedroso, do blog Bárbara pelo Mundo, o Ariel do site Coluna de Turismo e a Amanda do blog Livres e Selvagens passamos uma tarde sensacional na região, visitando duas vinícolas pequenas e com atendimento diferenciado. Vem ver! Lídio Carraro A vinícola boutique Lídio Carraro foi a nossa primeira parada. Os visitantes são recebidos na casa da família, e é lá que são feitas as degustações. Tivemos uma verdadeira aula sobre viticultura com a matriarca da casa, Isabel Carraro. Com muito conhecimento e paixão pelos produtos, Isabel nos apresentou os seus harmônicos e equilibrados vinhos puristas Na Lídio Carraro, todo o processo de elaboração é conduzido com o mínimo de interferência e o máximo respeito à expressão natural das uvas e do terroir de origem. A vinícola recebe visitantes para degustações todos os dias das 9h às 17h30, inclusive aos finais de semana e feriados. Acima de 8 pessoas é sugerido agendamento prévio, …