Destinos no Brasil, Rio Grande do Sul, RS, Tapes, Todos os posts
Comentário 1

Turismo rural em Tapes: um passeio pelos butiazais

A praia de Tapes me deixou encantada e a gastronomia me fez sorrir de satisfação, mas o que tornou a minha visita à cidade uma experiência memorável foi ser devidamente apresentada ao butiá.

O passeio pelos butiazais de Tapes, que têm árvores de cerca de 200 anos, foi uma experiência única de conexão com essa fruta que faz parte da cultura e da paisagem local.

Conheça o Butiá

Você já comeu butiá?

Se ainda não comeu, sugiro que procure agora mesmo um butiazeiro pra conhecer essa frutinha incrível!

Os butiás podem variar em sabor – sendo mais doces ou mais amargos; mais suaves ou mais ácidos; com pouca ou muita fibra.

Eu experimentei dois completamente diferentes! Um mais doce e menos fibroso, outro mais ácido e mais fibroso – ambos deliciosos!

Dentro da semente da fruta ainda existe uma amêndoa que dizem ser muito saborosa (infelizmente não cheguei a provar), e que pode ser utilizada na produção de um saudável óleo.

Tapes butiás butiazal

Butiazais de Tapes | O butiá

Além do consumo in natura ou em formato de suco, o butiá tem sido cada vez mais valorizado na gastronomia gaúcha.

Amplamente utilizado na tradicional cachaça de butiá, o fruto também pode ser aproveitado na elaboração de doces como sorvetes, mousses, geleias, bolos, e até em receitas salgadas – experimentamos um peixe ao molho de butiá excelente!

O butiá é rico em vitamina C, antioxidantes e potássio (tem mais até do que a banana!) – além de delicioso, o fruto faz bem à saúde!

Leia mais: Onde se hospedar em Tapes

Rota dos butiazais de Tapes

Nos últimos anos o butiá entrou em evidência na região com a criação da Rota dos Butiazais, que debate o uso sustentável do fruto e busca consolidar uma rota turística de valorização dos butiazais do Rio Grande do Sul e de países vizinhos.

Com isso, o turismo rural vem ganhado força em Tapes, atraindo turistas a conhecer as belas paisagens formadas por palmeiras centenárias que se desenvolvem em áreas campestres.

Tapes butiazal_6

Butiazais de Tapes

A empresa Butiá Turismo, iniciativa dos profissionais de gestão ambiental Eliézer Munhoz e Fernanda Pacheco, promove um roteiro por propriedades rurais a bordo de um dindinho.

Tapes dindinho butiazal

Butiazais | Dindinho

O projeto reforça a conscientização dos produtores e moradores da zona rural da cidade frente à necessidade de preservar as extensas áreas de butiazais.

Durante o passeio paramos em alguns pontos de visualização das palmeiras, que por vezes ficam junto a largos açudes. Eu fiquei maravilhada com a beleza do cenário!

Tapes Butiazal

Butiazais de Tapes

O roteiro passa pelas fazendas Machado Vieira e Três Irmãos – nessa segunda, temos acesso a um mirante para os butiazais.

Tapes mirante butiazal

Butiazais de Tapes| Mirante

No horizonte, centenas de butiazeiros! 😍

Tapes chapeu

Butiazais de Tapes| Mirante

Detalhe importante: o chapéu que estou usando na foto também veio do butiazeiro! As folhas longas da palmeira são utilizadas na elaboração de diversos tipos de trabalhos artesanais.

Clica aqui pra conhecer as bolsas que a marca Apoena faz com esse material! Lindas demais!

Rota dos butiazais de Tapes – café da tarde

Quando chegamos na Fazenda Três Irmãos fomos surpreendidos com um SUPER café da tarde!

Tapes café butiá

Butiazais de Tapes | Café da tarde na Fazenda Três Irmãos

Lá tivemos uma verdadeira imersão ao butiá: teve suco de butiá, bolo de butiá, geleia de butiá, cachacinha de butiá…

E até (PASMEM) cachorro-quente com polpa de butiá! (Lembra que falei lá em cima sobre a utilização da fruta em receitas salgadas?)

Sério, o sabor levemente ácido do butiá combinou muito com o molho de linguicinha. Cheguei à conclusão de que todo alimento que leva essa frutinha fica maravilhoso!

Tapes cachorro-quente butiá

Butiazais de Tapes| Cachorro-quente com polpa de butiá

O nosso café foi ao ar livre, mas para grupos maiores ele é servido dentro da casa da fazenda, um espaço montado especialmente para receber os turistas.

Tapes mesas butiazal

Butiazais de Tapes | Fazenda Três Irmãos

Leia mais: Onde comer bem em Tapes

Gastronomicamente falando, fiquei completamente apaixonada pela versatilidade dessa fruta amarelinha. 😋

E por compreender as origens e legado desse produto na região, percebi a importância do Butiá na cultura local.

Butiá entrou na lista das minhas frutas favoritas!

E então, gostaram dessa jornada pela cultura dos butiazais tapenses? 🙂

Eu amei demais!

Quem nos guiou nesse super tour foram os queridíssimos Eliézer e Fernanda, da Butiá Turismo.

Tapes Butiá Turismo

Eliézer e Fernanda, nossos guias pelos butiazais

Muuuuito obrigada por terem nos proporcionado essa baita experiência! ❤️

 

Serviço:

O passeio de Dindinho pela orla da Lagoa dos Patos e rota dos butiazais acontece mensalmente, para no mínimo 15 pessoas.
O custo é de R$ 50 por pessoa, incluindo o café da tarde.
As datas são divulgadas no perfil de Instagram da Butiá Turismo.
Telefones de contato: (51) 997927621, com Fernanda, ou (51) 996051093, com Eliézer.

 

* O tour pelos butiazais de Tapes foi feito a convite da Butiá Turismo

Para acompanhar minhas viagens e experiências em tempo real, siga o meu perfil no Instagram e curta a minha página no Facebook. 😉

1 comentário

  1. Emília Lima diz

    Maravilhosa está reportagem. Parabéns até deu muita vontade de fazer este tour . Realmente temos um tesouro que está sendo descoberto por pessoas do bem. Que Deus abençoe ricamente todos envolvidos neste projeto.
    Gostaria muito de saber os dias que fazem este tour. Obrigada👏👏👏👏👏

Deixe seu comentário! :)

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.