Comida, Curitiba, Destinos no Brasil, Gastronomia
Comentários 3

Curitiba, a cidade amiga (dos foodies)

Eu tenho muito carinho por Curitiba. Conheci a cidade há alguns anos, em uma viagem que decidi fazer sozinha. Estava em uma fase um pouquinho deprê da vida e resolvi “afogar as mágoas” da melhor forma: viajando.

Passeei pelas ruas floridas do centro, comi muito galeto no maior restaurante das Américas, vi as belas projeções de Natal no Palácio Avenida e até passei um certo perrengue quando tive o meu celular roubado (ei, Curitiba não era a capital mais segura do país?).

966

Depois de três dias bem aproveitados, voltei pra casa com a sensação de ter feito uma nova amizade. A cidade foi uma ótima companheira naqueles dias tristes e a viagem fez eu me sentir muito melhor.

1203

Jardim Botânico de Curitiba

Então sempre que eu tenho a oportunidade de ir à Curitiba, eu aproveito. Por ser próxima à Porto Alegre, as passagens às vezes ficam bem baratinhas, e é um ótimo passeio de final de semana.

No início do ano passado, voltei à cidade com meu marido, com o objetivo principal de fazer o passeio de trem a Morretes (que você pode ler mais nesse post), mas também queríamos aproveitar pra conhecer alguns restaurantes da cidade.

Vou contar aqui pra vocês sobre alguns deles.

ALMOÇO

Sel Et Sucre

O Sel Et Sucre é um pequeno e charmoso bistrô, comandado pela chef Kika Marder. Se o dia estiver ensolarado, além do salão, você pode optar por almoçar em ambiente externo bem gostosinho. A proposta do restaurante, de inspiração francesa, é um menu com entrada, prato principal e sobremesa, que você pode escolher entre as opções disponíveis no dia.

Para “aquecer”, o couvert: pão caseiro quentinho com 3 tipos de molhinhos.

1167

De entrada, pedi um voul-au-vent de camarão. Crocante e bem temperadinho.

1173

O Vini foi de tartar com batatinhas chips.

1175

De principal, Vini escolheu um polvo, e eu um filé de porco com molho de pimentas verdes com risoto de maçã.

1182

As sobremesas do lugar foram o ponto alto do almoço. Eu fui de trio de cremes brulée (que eu aaaaamo).

1191

E o Vini comeu esse lindo macarron gigante com creme patissière e banana.

1196

O menu com os três pratos custa a partir de R$ 89. De terça a sexta, o menu “basic” oferece a opção de escolher apenas dois pratos (entrada+principal ou principal+sobremesa), no valor de R$ 59.

Barollo Trattoria

O Barollo é um italianão tradicional na cidade, com um ambiente bem familiar e funcionários super atenciosos. Chegue cedo ou faça reserva, para evitar filas.

De entrada, pedimos essa polentinha cremosa com ragu (R$ 41,90). Tenho uma queda forte por polenta!

978

De principal, o melhor conchiglionne de camarões da vida (R$ 135, serve duas pessoas).

988

Eu não costumo repetir restaurantes quando visito as mesmas cidades, mas esse prato merece. Foi a minha segunda vez no Barolo e acho que quando voltar a Curitiba vou lá de novo!

992

JANTAR

La Varenne

O La Varenne é um restaurante elegante, localizado no Shopping Batel. Mas não pense que o visual é do tipo “restaurante de shopping”, o ambiente é super requintado. O cardápio foi feito pelo ex-Masterchef Ivo Lopes em 2015, mas continua sendo reproduzido na casa.

Fomos no La Varenne por indicação desse vlog da Dani Noce. No vídeo, o Paulo, seu marido, diz que o local vale a pena especialmente por esse ravioloni de bacalhau e gema. Gostamos dos outros pratos que pedimos, mas realmente, essa entrada é muito maravilhosa!

1325

De principal, eu pedi tortelli de coelho ao molho do assado com creme de burrata. Um dos melhores pratos de massa que comi na vida!

1335

O Vini foi de Tournedos Rossini com purê de mandioquinha. Delicioso também.

1338

O cardápio do restaurante, com os valores dos pratos, pode ser consultado aqui.

FIM DE NOITE

Officina Restô Bar

Ambiente moderninho, ótimo atendimento, e cardápio delicioso.  Além de tudo isso, o Officina é um daqueles lugares super “instagramaveis”, sabe? O visual do bar é muito bonito, descolado e cheio de detalhes.

1132

Vários drinks gostosos e diferentões no menu. Adoramos todos que provamos!

1107

Para acompanhar as bebidas, pedimos coxinhas de pato com geleia de laranja e geleia de pimenta (R$ 39), mas o cardápio do bar tem várias outras coisinhas para beliscar ou jantar.

1100

BÔNUS

Foi lá em Curitiba que eu conheci o Madero, que é hoje um dos meus hambúrgueres queridinhos da vida. É bom demais, né não?

madero

Com maionese extra, sempre!!!

Conhece algum lugar delicioso em Curitiba pra me indicar? Comenta aqui em baixo! 😉

Posts relacionados

3 comentários

  1. Estou morando em Curitiba há uns 3 anos e não conheço todos os lugares que mencionou! haha preciso conhecer esse Sel Et Sucre! Recomendo também a panificadora e café Fabrika no Alto da XV! Produtos 100% orgânicos e o ambiente é lindo

    te convido a conhecer meu vlog de viagens https://www.youtube.com/pensouemviajar 😉

    • Ahhh que legal! O Sel Et Sucre é uma delicinha, vai mesmo!
      Já me inscrevi no teu canal e já anotei a Fabrika pra próxima visita à cidade. Obrigada pela dica! Abraço! 😉

Deixe seu comentário! :)

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.