Destinos no exterior, Seychelles
Deixe um comentário

Ilhas Seychelles: La Digue é um espetáculo!

Nossa terceira parada nas Seychelles: a charmosa La Digue!

Muitas pessoas fazem um passeio apenas de “bate-volta” à essa ilha. Mas, na minha opinião, é o lugar que merece a maior quantidade de dias, se você for dividir sua permanência nas Seychelles entre as três ilhas principais.

La Digue é encantadora!

Como chegar

La Digue não tem aeroporto, então o único jeito de chegar lá é por meio dos catamarãs. (Leia mais sobre onde comprar as passagens nesse post.) 😉

Chegamos na ilha e sofremos um pouco para conseguir um táxi para o hotel – parecia que os poucos que haviam por lá já estavam comprometidos com alguém. Por isso, a primeira dica é: ao reservar seu hotel, já acerte o transfer do porto até lá.

La Digue – Hospedagem

Nos hospedamos em um hotel com um ótimo custo-benefício, o Patratan.

2389

Acho muito simpático quando a hospedagem prepara uma recepção aos hóspedes. O encantamento com La Digue começou no check in:

2394

Reservamos o hotel com café da manhã e jantar inclusos, e foi uma ótima escolha. Durante o dia ficávamos livres para conhecer os restaurantes e praias da ilha, e à noite o jantar estava garantido.

Algumas das refeições servidas no Patratan:

3256

3349

La Digue – Anse Patate

O Patratan fica na frente de uma mini praia incrível, uma das que mais gostamos das Seychelles: Anse Patate.

3262

3142

Ela é cheia de pedras lindas e de conchinhas. Foi a minha praia favorita de toda a viagem.

2902

La Digue – Locomoção

La Digue é bem pequena, então a melhor coisa a se fazer é alugar uma bicicleta e sair para passear. O custo por dia fica em torno de 15 €. Nós alugamos as nossas no próprio hotel.

2475

Apesar de ter alguns morros e subidas mais íngremes, é bem tranquilo de andar de bike por lá.

Você consegue dar a volta inteira na ilha em algumas horas, parando para ver as paisagens pelo caminho e, talvez, uma tartaruga gigante atravessando a rua.

3208

O visual da ilha é incrível, é uma praia linda ao lado da outra! Essa é a Grand Anse:

2768

La Digue – Anse Source D’Argent

A praia mais conhecida da ilha é, sem dúvidas, a Anse Source D’Argent, considerada como uma das mais belas do mundo. Ela é uma praia privada, a entrada custa 100 rúpias (cerca de R$ 28).

Olha que legal: após passar pelo portão de entrada, você passa por algumas surpresinhas no trajeto até chegar na praia.

Como plantações de baunilha:

Seychelles La Digue Baunilha

E também tartarugas gigantes:

Seychelles La Digue Tartaruga

Fofas!!

Seychelles La Digue Tartaruga pata

E a praia… é realmente DE PERDER O FÔLEGO!

Seychelles La Digue anse source d'argent

Infelizmente fomos lá com o dia nublado, o tempo não estava muito firme nos dias que ficamos em La Digue, então o mar estava um pouco agitado. (Vejam no post com informações gerais os melhores meses para visitar as Seychelles! Nós fomos na época mais chuvosa… 🙁 )

2668

Nessa praia tem um restaurante muito gostoso, e com bom preço (para os padrões das ilhas), o Lanbousir.

Seychelles La Digue Lanbousir

Seychelles La Digue Lanbousir menu

Seychelles La Digue Lanbousir lagostim

Foram três dias em La Digue, e essa foi a ilha que mais senti vontade de ficar por mais tempo.

Mas já era hora de voltar à África do Sul… afinal as Seychelles praticamente roubaram o nosso rim com seus altos preços! kkk

 

Melhor Lua de Mel: sim ou com certeza? ❤️

 

Para ler todos os posts das Seychelles, clique aqui.

Para acompanhar minhas viagens e experiências gastronômicas em tempo real, siga o meu perfil no Instagram e curta a minha página no Facebook. 😉

Deixe seu comentário! :)

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.